Tags

, , , , , ,

Sucesso lá fora há um tempo e a nova queridinha das estrelas, a dieta detox vem sendo muito comentada nos últimos meses e, na minha humilde opinião, veio para ficar. Falo isso porque ela não é simplesmente uma dieta qualquer, é praticamente uma filosofia de vida!

O objetivo da detox é promover uma verdadeira faxina no organismo, o que, provavelmente, você nem sabe mas está precisando! Nesse período, você deve dar umas boas férias ao seu organismo retirando da alimentação aqueles alimentos mais difíceis de serem digeridos e que acumulam mais toxinas (alimentos industrializados, refinados, álcool), e aumentar o consumo de alimentos frescos, ricos em vitaminas e minerais (frutas e vegetais).

Os órgãos responsáveis por eliminar as toxinas do nosso corpo são o fígado e a vesícula biliar, então devemos priorizar os alimentos “amigos” desses órgãos para dar aquela ajuda extra! Couve, agrião, brócolis e couve flor são alguns exemplos de alimentos best friends deles 😉

A detox ainda gera bastante dúvida entre as pessoas, então achei melhor organizar esse post em forma de FAQ.

– Por que eu devo fazer uma detox?

Porque nós somos frequentemente expostos a diversos fatores como: poluição, stress, consumo de medicamentos, consumo de bebidas alcoólicas, alta ingestão de alimentos industrializados e com agrotóxicos, etc. Normalmente a gente não muda de cidade porque o ar está muito poluído, e nem sempre podemos deixar de tomar um medicamento, mas podemos sim controlar a nossa alimentação. É uma forma de amenizar aquilo que faz mal ao nosso corpo, e com isso acumular menos toxinas. Lembra aquele papo de tratar bem o seu corpo? Não? Dá uma olhada aqui.

– Mas eu nunca fiz detox e vivo bem! Por que agora preciso fazer?

Ninguém é obrigado a fazer uma detox, mas o acúmulo de toxinas está relacionado com o aparecimento de doenças crônicas (obesidade por ex.), então é uma maneira de você se livrar do encosto da enfermidade hahaha. Se decidir encarar o desafio, garanto que sentirá diferença em várias situações como: maior disposição no dia a dia, melhor digestão, intestino funcionando corretamente, não ficará doente com frequência (sistema imune + forte), terá um sono mais tranquilo, maior concentração e poderá ainda desinchar e eliminar aqueles malditos quilinhos extras (Alô biquíni!). Enfim, trata-se de uma melhor qualidade de vida.

– Vi em uma revista que é possível emagrecer com a dieta detox, é verdade?

Sim, é possível emagrecer com a detox. Mas é muito importante ter em mente que o objetivo principal da detox não é a perda de peso, e sim dar aquelas merecidas férias ao seu organismo para que ele faça uma limpeza. Como a dieta deixa o seu organismo mais equilibrado nutricionalmente, provavelmente o emagrecimento virá como consequência, mas isso vai depender muito da pessoa e do tempo de detox. Não dá pra fazer A irritada com a balança se o ponteiro não descer em 2 dias de privações entende? É um processo que exige paciência e dedicação!

– O que não devo comer/beber durante a detox?

Alimentos que contenham glúten (pães e massas), lactose (laticínios), açúcares (doces, refrigerantes), adoçantes (refri light), alimentos industrializados (congelados), bebidas alcoólicas (dispensa exemplos né bonita?!), cafeína (café, chá preto), carne vermelha (steak do Outback :)) e carboidratos refinados (arroz branco).

– O que posso comer/beber na dieta detox?

Estão liberados: frutas (maçã, melancia, pêra) vegetais folhosos (alface, rúcula, agrião, couve), legumes (cenoura, brócolis, couve flor, vagem), grãos integrais (arroz integral), oleaginosas (nozes, castanhas), peixe (salmão, pescada, merluza), ovos, chás (hibisco, cavalinha) e muita água!

– Por quanto tempo devo fazer uma dieta detox?

Depende do seu objetivo e de como são seus hábitos alimentares. Se você mantém uma alimentação saudável e exagerou nas festas de fim de ano, talvez uns 2 dias de detox sejam suficiente. Se você vai fazer a detox com o objetivo de melhorar algum sintoma específico (insônia por ex.), talvez precise de 10 ou 15 dias. Se você é um completo desastre que dá vexame até em rodízio de pizza, vai ter que passar por uma mudança de hábitos, e aí o desafio pode durar até 30 dias. O ideal é que a dieta seja personalizada, porque o que funciona para João pode não servir para Maria 😉

– Você já fez uma dieta detox? Conte como foi a sua experiência.

Sim, eu adoro testar as dietas para ver como realmente funcionam na prática. Já fiz 2 vezes e recomendo muito. A primeira vez segui por 10 dias, sendo que os 2 primeiros dias só ingeri líquidos (sucos e sopas) e nenhum tipo de carne. O estômago e intestino ficam super relax e curtindo horrores, mas dá uma vontade de mastigar que ó, não é fácil não hehe. A partir do terceiro dia voltei a comer alimentos sólidos, peixes e ovos (yeah!). Dessa vez minha mãe tava aqui em casa e fez vários pratos delícias pra mim 😉

A segunda vez fiz por 7 dias, e como tava um calor senegalês pulei a parte das sopas rs. Fiz direto com alimentos sólidos e também foi tranquilo. Dessa vez minha mãe já tinha voltado para Pasárgada (:)), então me virei no meu jeito Jamie Oliver de ser 😉 Até que deu pro gasto, tirando um dia de cansaço extremo que rolou uma dupla de ovos cozidos para o jantar hahaha Mas no dia seguinte recuperei meu glamour gastronômico!

Nas 2 experiências senti uma melhora muito grande na minha digestão! Ficava bem saciada com menos comida e em nenhum momento fiquei com aquela sensação que algo “caiu mal no estômago”. Das 2 vezes deixei 1,5kg para trás :). Vou fazer novamente ainda essa semana e pretendo trazer sugestões de cardápio pra vocês! Sei que pode parecer difícil tirar tanta coisa que estamos acostumadas, mas com um pouquinho de dedicação dá certo! Vou tirar fotos de algumas refeições e postar aqui, ok?

Acho que deu para ter uma ideia de como funciona uma dieta detox mas se ainda tiverem dúvidas é só postar nos comentários que eu respondo, ok?

E aí, partiu detox? hahaha

Beijos sem glúten e abraços sem lactose procês 😉

LariCota