Tags

, , , , , , , , , , , ,

Quando vou viajar sempre fico procurando lugares diferentes e não tão turísticos da cidade, acho que é uma boa forma de vermos como é realmente a vida naquele lugar. Mas uma coisa é fato, tem ponto turístico que não dá pra ignorar! Mesmo sendo um programa batido, e às vezes menos do que a gente espera, eles ficaram famosos por algum motivo, né? Então, sempre acho que vale a pena fazer aquele famoso roteiro para viajantes e depois ir atrás de lugares mais descolados e que tem a ver com você.

Aqui vão algumas dicas e impressões de passeios que fizemos em NY. Espero que sejam úteis para MariCotas pensando em conhecer a cidade ;).

 – Central Park

Considerado pelos nova iorquinos um verdadeiro refúgio no meio de tantos prédios enormes, o Central Park é lindo e tem diferentes atrações de acordo com a época do ano.

Laricota, Viagem, NYC, Central Park, Foto- Moisés Schini (todo

Olha o “The Plaza Hotel” lá no fundo! É o hotel do filme “Esqueceram de mim 2”.

É um ótimo lugar para passear, fazer exercícios, brincar com as crianças, fazer picnics ou ficar simplesmente apreciando a paisagem. Com certeza no verão fica ainda mais atrativo, mas a paisagem do inverno também tem o seu valor, não acham?

Para quem gosta, rolam aqueles passeios típicos de charrete onde o cavalo e seu amigo te levam direto a alguns pontos de interesse do parque.
Strawberry Fields – Memorial John Lennon
A gente queria muito ver esse memorial e tirar foto do “Imagine”, mas é claro que estava cheio de gente disputando uma foto limpa! Para completar a tragédia, chegou um tiozinho muito sem noção e começou a colocar um monte de tralha do John Lennon no meio do círculo. Tinha faixa, foto, cartaz e várias coisas que nós, definitivamente, não queríamos de cenário na foto! Foi então que uma brasileira super legal (e cara de pau) pediu para tirar as coisas naquele jeitinho do “já tirando”! hahaha O “artista” não ficou muito feliz, mas o meu fotógrafo particular agradeceu ;). Imagina gente, imagina!

Você pode achar os pontos principais do parque baixando o app que falei nesse post aqui.

– Times Square

LARICOTA, Viagem, NY,  Times Square Foto- Moisés Schini 2013-0

A Times Square não é bem um passeio, é o cruzamento de duas avenidas importantes da cidade, a 7ª e a Broadway. O lugar é cheio de lojas, prédios comerciais, letreiros luminosos com publicidade e… gente, muita gente passando!! É onde estão as mega lojas da Hershey’s e da M&M’s que sempre aparecem na TV e todo mundo gosta de tirar foto. Também tem muitos restaurantes como o Bubba Gump, Hard Rock Cafe, SbarroMamma, Applebee’s e muitos outros desses de grandes franquias.

– Brooklyn Bridge

É a ponte de 1,8km que liga o bairro do Brooklyn à ilha de Manhattan. Ela foi inaugurada em 1883 e na época era a maior ponte em suspensão do mundo. Um passeio legal é atravessar a ponte a pé, assim você vai vendo a paisagem e tirando fotos. Se você não for uma MariCota muito atlética e ficar cansada no final da travessia, dá para voltar de metrô.

 – Chelsea Market

LARICOTA, Viagem, NY,  Chelsea Markete, Foto- Moisés Schini 2013-02-10-2

Adorei esse lugar! É um mercado muito jóia que vale super a pena conhecer. Como o próprio nome já diz, ele fica em Chelsea e ocupa em média um quarteirão do bairro. Lá dentro você encontra lojas, restaurantes e mercadinhos, mas tudo bem original, sabe? O Moisés adorou o The Filing Station, e ficou um tempão experimentando azeites e vinagres especiais. Ele arrematou 2 garrafinhas de vinagre, uma é vinho branco com coco e a outra balsâmico com chocolate meio amargo. Eu não sou nada chegada em vinagre, mas a galera lá de casa aprovou!

Além de azeite e vinagres flavorizados, a loja também tem diversos tipos de sal com sabores diferentes. Acabei comprando um de “alecrim espanhol”, que tem um aroma delicioso.

Eu bem que fiquei de olho na vitrine da Inglot, mas para o bem do meu namoro resolvi não entrar, porque já tinha entrado em várias lojas mais cedo! Hahaha Nós gostamos tanto do mercado que voltamos no dia seguinte para jantar lá, e mais uma vez foi um ótimo passeio.

Empire State Building

LARICOTA, Viagem, NY,  Empire State, Foto- Moisés Schini 2013-

Moisés Schini © 2013 - LariCota (Todos direitos reservados)

É um arranha-céu de 102 andares e ganhou esse nome devido ao apelido do estado de Nova York (#modestos). Por muito tempo ele foi considerado o prédio mais alto do mundo, mas aí veio o World Trade Center e tirou o título do coitado. É bem legal ver a cidade lá de cima, mas é apenas um observatório com uma daquelas lojinhas de souvenir, não tem outros atrativos. O main deck, no 86º andar, é o principal deck de observação e onde a maioria das pessoas vai. Ele é aberto, bem grande, e custa $25 por pessoa. Para ir até o top deck, no 102º andar, o preço é $42, então vai  menos gente. Lá no topo é tudo fechado e bem pequeno, mas você tem aquela sensação legal de estar na pontinha do arranha-céu, e também entra para o seleto clube do 102º hehehe.

– 9/11 Memorial

Os nomes da vítimas foram gravados no memorial.

Não é lá um lugar muito animado (óbvio), mas é daqueles que representam algo muito grande, então vale uma passada. Como o nome já diz foi construído um memorial onde ficavam as torres gêmeas, e tem também um museu em homenagem às vítimas e aos envolvidos no resgate.

A nova torre já tá quase pronta.

É digrátis, mas já aviso que a entrada é chata. Tem que tirar casaco, passar por detector de metal e suportar a ótima recepção das pessoas que trabalham lá. É aquela situação que você parece estar fazendo um favor a eles, e eu odeio muito isso!

– Financial District

É uma área ao sul de Manhattan onde ficam vários prédios comerciais, sede de empresas grandes e inclusive a bolsa de valores americana.

A gente bem que queria uma foto digna da fachada da bolsa de valores, mas para aquele dia era isso que tava tendo hahaha. Ficou ótemo essas batatas aí, né? Achei que combinou demais da conta sô!

Um dos símbolos do lugar é o famoso “touro de Wall Street”, uma escultura de bronze que representa a força e o vigor do mercado financeiro. Será que esse touro tá dando conta? Sei não hein… rs. Esse lugar também é disputadíssimo para fotos, então reze para não ter muitos orientais perto da sua vez. A gente quase conseguiu uma foto exclusiva, se não fosse o chapéu que ganhei de presente.

Ps. Alguém pode me explicar o motivo de tanta gente tirar foto no back do touro?!? A fila lá de trás é tão grande quanto a da frente! As pessoas (principalmente os vovôs) se empolgam nas poses lá atrás e começam a pegar nas partes do bicho… Eu hein, povo estranho.

– Estátua da Liberdade

Infelizmente a gente não conseguiu chegar pertinho do ponto turístico mais famoso nos EUA. Como a estátua fica em uma ilha, é preciso ir de ferry para chegar lá perto, só que o furacão Sandy destruiu bastante a estrutura do local. Eles estão reconstruindo os decks, mas ainda não dá para fazer o passeio completo. O jeito foi admirar e tirar fotos de longe…

Depois fiquei sabendo que alguns barcos fazem passeios que chegam bem pertinho da estátua. Você não vai descer lá na ilha, mas se tiver se coçando muito para ver de perto pode ser uma opção.

Alimentando meu novo amigo num glamour só. Esse foi o dia mais frio e tive que fazer o estilo das arábias hahaha

Assim como no Central Park, vimos muitos esquilinhos fofos lá perto da estátua. Normalmente eles assustam e saem correndo quando você chega perto, mas para seres com um certo dom (dom leia-se amendoim) eles chegam pertinho!

Dica da LariCota: Se você comer algum dia no Five Guys dá para pegar uns amendoins de graça pros amigos. Ou então, pode fazer como a espertona aqui, roubar de um para dar ao outro hahaha Que dó!

– Union Square

A Union Square é uma das praças mais visitadas da cidade e fica bem movimentada. Nós passamos lá num dia bem agradável, pois apesar do frio tinha um solzinho gostoso, então a praça tava cheia de gente passeando e batendo papo. Tem ainda aqueles que levam sanduíches e lanchinhos e acabam comendo por lá. É um lugar bem bonito para passar, tirar fotos e tricotar com outras MariCotas ;).

 

The High line

É um jardim suspenso construído em um elevado, onde passavam trens, que foi desativado. A ideia é fantástica, e pode render um passeio muito agradável.

Os trilhos dos trens foram conservados.

Ele parece um “calçadão” com muitos bancos, vegetação e no verão parece que rolam até uns atrativos. No caminho tem também street art em alguns dos edifícios.

Não parece um cara de verdade?!

Ele começa na rua 12 e vai até a 30, e você pode subir por diferentes acessos ao longo desse trecho. Tem um acesso, com elevador inclusive, bem pertinho do Chelsea Market, então você já pode emendar os passeios.

Ufa, acho que é isso! Como era inverno não pegamos fila grande em nenhuma atração, mas me parece que no verão a situation é um pouco diferente. A gente sempre via um espaço enorme com aquelas cordinhas para formar fila, sabe? Esteja preparado dependendo da época que você for viajar.

Você também pode gostar de posts sobre passeios mais específicos: aqui eu falei dos museus que visitamos, e aqui sobre o musical e ballet que eu amei muito! Achei melhor separar para ficar bem explicadinho.

E você, tem alguma dica nova iorquina para compartilhas com outras MariCotas?

…………………………………………………………………………………………………………………………………………

Você também pode gostar de…

NY dicas de barganhaNYC SUBWAYNY com pouco dinheiro